Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O filme inglês

por Luís Naves, em 28.04.15

A campanha eleitoral britânica entrou nos últimos dias e os dois maiores partidos estão empatados em posições que dificilmente darão origem a uma maioria estável. Os trabalhistas são vítimas dos nacionalistas escoceses, que lhes tiram muitos lugares na Escócia, e os conservadores vão perder deputados por causa dos votos desviados pelos populistas do UKIP. David Cameron estará talvez a recuperar nesta fase final da campanha, mas as sondagens apenas referem pequenos progressos, que não chegam para uma vitória folgada. Parece que há ainda muitos indecisos, o que costuma desmentir as sondagens e, nesse caso, a eleição poderá pender para os conservadores. Uma coisa é certa: o eleitorado britânico continua descontente com as medidas de cortes orçamentais, que serviram para tirar o Reino Unido da crise, embora causando nos cidadãos um sentimento de insegurança económica. Alguns analistas escrevem que estamos perante um curioso paradoxo: a economia já começou a crescer a bom ritmo, mas o dinheiro não chega ao bolso das pessoas. Será que vamos ver o mesmo filme em Portugal, incluindo o empate e a dificuldade em formar governo?

publicado às 18:55




Links

Locais Familiares

Alguns blogues anteriores

Boas Leituras