Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O espaço mediático

por Luís Naves, em 17.09.15

Serve a moderna educação dos rebanhos para criar pessoas perigosamente estúpidas. Ali, assistimos ao triunfo cruel da mediocridade, predomina a falta de visão, sobram as opiniões banais, ignorantes e apressadas, sem informação, cheias de preconceito, rematadas por lições de moral ao gosto das beatas e dos fariseus. Na paisagem, os rebanhos são fáceis de levar de um pasto ao outro, basta para isso haver alguns cães bem treinados, que saibam debitar sobre pequenas coisas, até ser difícil o próprio acto de pensar e até desaparecer, em cada um de nós, qualquer sombra de ideia sobre o futuro. Daí a desvalorização da política, que entrou na moda, e a importância de despolitizar a sociedade através do espectáculo, o que por sua vez serve para amansar o feroz exército de consumidores insaciáveis, reduzindo o âmbito das críticas e das perguntas. As nossas escolhas tornaram-se todas iguais ou pelo menos semelhantes, o poder é difuso, a cultura vai desaparecendo lentamente ou fica uma amálgama informe de simples entretenimentos. Na invisibilidade e na irrelevância, a liberdade de expressão tornou-se uma fantasia. Em vez de emoções, as pessoas experimentam obsessivamente novas sensações, tudo à flor da pele, pois estamos na era do explícito e do efémero. No caso do nosso provincianismo particular, há ainda as intermináveis indignações moralistas, a gritaria histérica dos que falam mais alto, a fanfarronice redundante dos tudólogos e a hipocrisia militante dos videirinhos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:36


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.




Links

Locais Familiares

Alguns blogues anteriores

Boas Leituras