Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Perdem sempre tudo

por Luís Naves, em 07.09.13

A mentira tomou o dia, afinal
alastra e ganha velocidade
e o riso falso sem densidade
conquista o tolo e o racional.

 

Assim, mentir é a quase normal
raiva morna que queima de verdade
enganar, penosa fatalidade
que calha a cada um, por mais banal.

 

Pequenos males vencem tanta gente
e dos justos que podemos dizer
quando se perdem na luz consciente?

 

Que praticando o bem sem ceder
conhecem a derrota inconsistente
e perdem sempre tudo, sem esquecer

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 19:59




Links

Locais Familiares

Alguns blogues anteriores

Boas Leituras